Coqueiros: conheça sua história, tipos e cultivo

Publicidade:

Conhecido popularmente como pé de coco, Coco da baía, Coco da praia, Coqueiro, Coqueiro anão, Coqueiro da índia, o coqueiro na verdade é uma grande palmeira. O coqueiro é uma grande palmeira, de estipe solitário, que chega a atingir 30 metros de altura. Suas folhas são grandes e pinadas, com até 6 metros de comprimento. Suas origens são apontadas como controversas, no geral, estima-se que tenham surgido na região da Ásia.

Pertencentes à família das Arecaceaes, os coqueiros apreciam clima tropical, subtropical, oceânico e equatorial. Variam em altura ficando entre 1.8 a mais de 12 metros de altura. Possuem ciclo de vida perene e gostam de sol pleno.Coqueiro-33

Os coqueiros se espalharam pelo mundo por conta das correntes marítimas que levaram as suas sementes para diferentes áreas do planeta. De estipe solitário, possui folhas grandes e pinadas, com até 6 metros de comprimento. Delas se extraem fibras rústicas e fortes, utilizadas em diversos produtos artesanais e industriais, como escovas e capachos.Coqueiro-35

►►►  Liquidâmbar, saiba mais sobre essa maravilhosa árvore

As inflorescências paniculadas apresentam belos cachos pendentes, de cerca de 1 metro, todas carregadas de numerosas e pequenas flores brancas ou amareladas. As flores masculinas abrem-se em momentos diferentes das femininas, na mesma palmeira, possibilitando a polinização cruzada. Coqueiro-36

Os coqueiros também dão frutos que são classificados como drupas, as quais apresentam formato globoso a ovóide e epicarpo (a casca) de coloração verde, amarelo ou vermelho, de acordo com a variedade. Quando maduros os frutos tornam-se castanhos e deles podemos extrair uma deliciosa e nutritiva amêndoa (endocarpo). Todos os frutos são protegidos por um tipo de asca lenhosa. O fruto possui formato de amêndoa com cerca de 1 cm de espessura, cor branca, e pode ser consumida crua ou na preparação de inúmeros pratos culinários, entre doces e salgados.Coqueiro-39

Os cocos, quando imaturos, apresentam amêndoa mole e pouco desenvolvida, mas contém água-de-coco em maior quantidade e qualidade. Uma solução nutritiva e refrescante, muito explorada economicamente. O mesocarpo, parte fibrosa do fruto é utilizada na fabricação de substratos para plantas epífitas, como orquídeas.Coqueiro-41

Publicidade:

►►►  Kaizuka, uma bela árvore asiática para deixar seu jardim mais lindo

Para quem deseja cultivar coqueiros, saiba que apreciam sol pleno, solos arenosos ou profundos, férteis, irrigados a intervalos regulares.Coqueiro-42

Muito adaptados à salinidade do solo, os coqueiros são palmeiras muito rústicas, de crescimento rápido, que se encaixam perfeitamente em projetos de jardins tropicais e litorâneos. Não toleram o frio ou a seca. Multiplicam-se por cocos-sementes maduros em cerca de 1 ano, e devem ser escolhidos por meio de coqueiros matrizes.

Coqueiro-43 Coqueiro-44 Coqueiro-45 Coqueiro-46 Coqueiro-47 Coqueiro-48 Coqueiro-49 Coqueiro-50 Coqueiro-5 Coqueiro-21 Coqueiro-24 Coqueiro-26 Coqueiro-30 Coqueiro-38 Coqueiro-40 Coqueiro-51 Coqueiro-17 Coqueiro-23 Coqueiro-27 Coqueiro-29 Coqueiro-28 Coqueiro-32 Coqueiro-37 Coqueiro-11 Coqueiro-15 Coqueiro-22 Coqueiro-9 Coqueiro-18 Coqueiro-25 Coqueiro-31 Coqueiro-34 Coqueiro-13 Coqueiro-19 Coqueiro-2 Coqueiro-3 Coqueiro-6 Coqueiro-8 Coqueiro-12 Coqueiro-14 Coqueiro-16 Coqueiro-7 Coqueiro-20 Coqueiro-10

Você também vai gostar desses...