Flores: Adubo Químico, Devo usar?

Publicidade:

 

O adubo ou fertilizante químico sempre gera dúvidas à quem precisa utilizá-lo. Para obter um resultado satisfatório para o desenvolvimento saudável das flores, é importante entender seu funcionamento e como deve ser aplicado.

Os fertilizantes de composição química, na maioria dos casos, podem ser encontrados em lojas especializadas em jardinagem e até mesmo em supermercados. A embalagem deve conter a sigla NPK, que indicam a presença dos elementos Nitrogênio (N), Fósforo (P) e Potássio (K), que são essenciais para a nutrição e crescimento saudável das flores.

Porém, existem muitas formulações de adubos NPK disponíveis no mercado. Para escolher qual usar, deve ser observada qual a finalidade:

Publicidade:

O adubo NPK 10-10-10, apresenta composição de mesma concentração para cada elemento e é mais indicado para variedades que não produzem flores e nem frutos, como é o caso das samambaias. Seus fabricantes afirmam que essa composição é a mais indicada para aplicação em plantas já formadas, incluindo flores, folhagens, hortaliças e frutíferas.

►►►  Flores ornamentais usadas na medicina

O adubo 15-15-20, como os números sugerem, tem 15 partes de nitrogênio, 15 de fósforo e 20 de potássio. Essa composição, por ser mais concentrada em potássio, é indicada para o cultivo hidropônico, por ser mais prática.

Já o adubo 4-14-8, com 4 partes de nitrogênio, 14 de fósforo e 8 de potássio, é mais recomendado para espécies que florescem e produzem frutos, como por exemplo o hibisco, azaleia, violeta ou para cítricos como laranjeira. Seus fabricantes afirmam que esta composição é indicada para a aplicação durante o plantio dos vegetais, no momento da preparação do solo, pois favorece a formação e desenvolvimento de raízes e até mesmo da estrutura dos vegetais, devido ao alto teor de fósforo.

Existem composições à venda, que são formuladas com concentrações adequadas e indicadas para cada variedade de plantas ornamentais, como por exemplo as rosas,violetas,orquídeas e samambaias. Outra opção, é o NPK granulado, que é indicado para gramados, por permitir a aplicação de maneira ágil e mais versátil, pois basta que seja espalhado sobre o gramado.

►►►  Aprenda a cuidar e plantar Gérberas para que tenham lindas flores

Além da escolha do adubo adequado para cada variedade, a frequência com que se faz a adubação é muito importante.Geralmente, a adubação deve ocorrer a cada dois meses. Porém, existem casos em que a variedade necessita de quantidades variáveis de fertilização ao longo de sua vida. Por isso, sempre siga as orientações do fabricante, que estão na embalagem do adubo ou procure ajuda profissional.

O-Adubo-Químico-Formulado Adubo-Químico-Preto Adubo-Químico-Para-Flores Adubo-Químico-Formulado Adubo-Químico-Para-as-Flores Adubo-Químico-Para-Colocar-nas-Flores Adubo-Químico-Para-Crescimento-das-Flores Adubo-Químico-Para-Flor Adubo-Químico-e-Natural Adubo-Químico-Azul Adubo-Químico Adubo-Químico-5g

Você também vai gostar desses...